Principal Gotas  |  GotasII  |  Fluidos | Atrito | Biofotos | Dragão

Espetáculo das Gotas

Fotos realizadas no Laboratório de Física-Ensino da UFPA,
no qual são retratadas a queda de uma gota de água.


Gotas D'agua que se chocam numa superfície de alumínio - Fluxo Discreto
 

 

Observe, na seqüência a seguir, o comportamento de uma gota
 de água ao se desprender de uma torneira semi-aberta:

A gota maior está deformada devido à resistência do ar e à sua viscosidade.


Aqui, algumas gotas já atingiram a superfície da água resultando em ondas circulares
aproximadamente planas e algumas gotículas estão próximas a superfície.


Depressão causada pela queda da gota ao atingir a superfície da água.




O retorno de uma parte de água devido à energia armazenada na forma
potencial causada pela queda da gota e seu retorno quando a depressão
 causada pela queda da referida gota se reencontra no centro de impacto.

 

Mais um instantâneo do impacto da gota na superfície.

 

Fluxo Contínuo

Nesta foto, observe que com a abertura maior da torneira, e  a 
medida que a água cai sua velocidade aumenta, o filete de água se torna 
mais estreito já que a vazão deve ser a mesma em todos os pontos.

 

O filete atingindo a superfície da água.

 

Gotas D'agua que se chocam numa superfície lisa (vidro) 
de 5 mm de espessura  Fluxo Discreto

Gota de água em queda.

 

Gota próxima a atingir a superfície da água.

 

Espalhamento causado pelo impacto
 da gota na superfície do líquido.

 

Devido às forças de resistência (viscosidade do líquido), a depressão causada
 pela queda da gota na superfície  vai sendo amortecida.

 

 

O líquido que foi expulso do centro de impacto causado pela queda da gota, 
retorna para seu ponto de origem e empurra a massa de água para cima.

 

Devido às forças de resistência, a ondulação na
superfície do líquido vai sendo amortecida.

 

Gotas da Natureza

Aqui temos uma gota se formando.

 

A gota de água ainda não se desprendeu da folha devido às forças de coesão molecular.

 

A viscosidade da água impede seu desprendimento da folha.

 

Uma gota se desprende e outra está se formando.

 

Uma gota já se encontra em queda e uma próxima está prestes a se formar.
O ciclo se renova enquanto a folha contiver líquido.

 

Colisão direta com uma folha

 

 

 

 

 

Textos: Prof. José Correia Tancredi

Fotos:  Prof. Manoel Neto

Retornar

Principal Gotas  |  GotasII  |  Fluidos | Atrito | Biofotos | Dragão